PORTO FOZ DO DOURO

A CIDADE

Embora já existam vestígios da presença humana no morro da Sé desde a idade do bronze, durante a cultura castreja é após as guerras cantábrias (29-19 a.C,) que a romanização teve um papel importante no desenvolvimento desta cidade, atarvés da estratégia administrativa com base em centros urbanos servidos por uma eficaz rede viária. Cales Civitas seria a urbanização existente no morro da Sé. Calem , local estratégico onde passava a estrada romana litoral que ligava Olisipone (Lisboa) a Bracara Augusta (Braga).

O centro histórico do Porto actual tem como imagem de marca o Maneirismo, e o Barroco de granito. O Porto tem intervenções em quase todas as igrejas durante o séc. XVIII durante o auge da expressão artistica em Talha Dourada. O Neoclãssico aparece implementado durante o séc. XIX com as grandes obras públicas e infraestruturas tais como o Hospital S.Antonio e a Estação de S.Bento. Da mesma época temos a arquitectura do ferro nas Pontes D.Luis I D.Maria Pia e no Mercado Ferreira Borges. Da época medieval temos a Sé (embora intervencionada no séc. XVIII) e a Igreja de S.Francisco.

VISITAR O PORTO

Igreja de S.Francisco
Palácio da Bolsa
Sé Catedral
Igreja e Torre dos Clérigos
Livraria Lello
Estação de S.Bento
Ponte D.Luis I
Cais de Gaia
Ribeira
Miragaia
Palácio de Cristal (Pav.Rosa Mota)
Casa da Música
Casa de Serralves
Museu de Arte Contemporanea de Serralves
Foz do Douro


VISITA VIRTUAL AO PORTO


My Image
My Image